A Brazilidade é um negócio social que atua formalmente desde 2010 com Educação e Turismo de Base Comunitária (TBC) na favela Santa Marta situada no bairro de Botafogo – Rio de Janeiro – Brasil, mas com experiência desde 1992. Trabalhamos pra que nossas prestações de serviço promovam conexões e ajudem a comunicar a cultura da favela, suas representações naturais, culturais, históricas e sociais, e também na educação das pessoas para seus processos e diversidade. Impactar socialmente e deixar legados no Santa Marta é o que nos motiva a seguir com nosso trabalho.

O QUE MOVE A BRAZILIDADE?

Turistas na Favela Santa Marta

Trabalhamos para mudar o estereótipo cultivado em relação aos moradores da favela e, através dos nossos serviços, gerar identificação e respeito. Queremos mostrar que a favela Santa Marta está de braços abertos para pessoas de todas as partes do Brasil e do mundo que querem entender de maneira mais aprofundada e respeitosa nossos modos de viver e fazer.

A Brazilidade faz parte do movimento de Economia Solidária no Rio de Janeiro (ECOSOL), participou da primeira turma de empresas incubadas pela Incubadora Rio Criativo (IRC) e agora em 2017 faz parte da plataforma que apóia negócios sociais pelo Brasil pela Redbull AMAPHIKO.

QUEM MOVE A BRAZILIDADE?

Sheila Souza turismo Santa Marta A Sheila e a Roberta são os pilares da Brazilidade.
A Sheila é a idealizadora e criadora da empresa, formada e pós graduada em Turismo. Ela é nascida e criada no Santa Marta e bastante atuante em suas atividades. Tem larga experiência em intercâmbios e vivências nacionais e internacionais e é a pioneira do turismo nessa favela onde vive até hoje. Ela fala inglês, espanhol e fez curso de alemão, mas sua maior habilidade é se comunicar com as pessoas. O DNA da Brazilidade está muito conectado com as experiências e visões de mundo que a Sheila tem.

A Roberta é a logística da Brazilidade. Ela é formada em Turismo e guia credenciada pela Embratur. Roberta participou da implementação do projeto de Turismo que foi desenvolvido no Santa Marta (Rio Top Tour) e tem grande experiência com planejamento de atividades turísticas no Rio de Janeiro.
Roberta fala espanhol e é também a responsável pelos guiamentos em português.

Mas a principal formação da Sheila e da Roberta para gerenciar a Brazilidade foi a de terem nascido e crescido no Santa Marta, terem olhado para a favela e acreditado nela. A Brazilidade hoje é um pouquinho da Sheila, da Roberta e também de todos aqueles que passam pelo morro através delas.

NOSSA MISSÃO

Nos empenhamos para gerar respeito pela cultura da favela e sua história compartilhando informação, provocando discussão e criando legados sociais.